Sites Grátis no Comunidades.net Criar um Site Grátis Fantástico
2010
2010

 

 

 

As Melhores Coisas do Mundo (2010)

Download MEGA / 1Fichier

SENHA PARA DESCOMPACTAR: www.baixefilmes.org

O filme se passa num colégio de classe média em São Paulo, e narra o período de um mês da vida de "Mano", um jovem que vive os altos e baixos da adolescência como conflitos familiares e "a primeira vez". Sofrendo crises da adolescência aos 15 anos.

Elenco

  • Francisco Miguez como Mano
  • Caio Blat como Artur
  • Paulo Vilhena como Marcelo
  • Fiuk como Pedro
  • Gustavo Machado como Gustavo
  • Zé Carlos Machado como Horácio
  • Juliana Dantas
  • Maria Eugênia Cortez como Bruna
  • Denise Fraga - Camila
  • Lilian Blanc como Diretora do Colégio
  • Ananda Carvalhosa
  • Gabriela Rocha como Carol
  • Luccas Perazzio como Juninho
  • Anna Sophia Gryschek como Valéria
  • Gabriel Illanes
  • Júlia Barros
  • Caio Fernandes

Dirigido por Laís Bodanzky

Diário de uma busca (2010)

Assista Online

Celso Afonso Gay de Castro, jornalista, 41 anos, ex-militante político e comunista, exilado em vários países, foi encontrado morto em 4 de outubro de 1984. Segundo o noticiário da época, ele teria invadido um apartamento de um alemão suspeito de ser nazista, ex-cônsul no Paraguai. Celso, acuado, teria assassinado seu colega e se suicidado. Com essa história mirabolante, a Cineasta e roteirista Flávia Castro (co- escreveu o roteiro de "Nise", com Glória Pires) realizou esse documentário sobre o seu pai. Investigativo, permeado por memória dela, do irmão Joca, de sua mãe e amigos da família, o filme mescla imagens de arquivo e entrevistas que Flávia fez, traçando o itinerário que sua família fez na época do exílio, nos anos 60 até final dos anos 70, quando em 79, com a anistia política, resolveram voltar ao Brasil. Usando a memória e a ajuda de parentes e amigos, Flávia narra a sua epopéia ainda criança, indo de país a país, se escondendo com seus pais e irmão. Impossibilitada de ir para a escola, e sendo um estorvo (na palavra da própria mãe), ela e o irmão eram totalmente um enfado para a guerrilha. Ainda na escola, uma colega perguntou o que os pais dela faziam, e ela respondeu: "eles só fazem reuniões". Foram para Santiago, Buenos Aires, Bélgica. Em todos esses lugares, se refugiaram em casas de amigos, embaixadas. Pulando de galho em galho, Flávia se sentia sem rumo. O filme, além de tentar entender o caso do suicídio de seu pai, para ela, supostamente assassinado por questões políticas, ainda faz esse relato melancólico sobre crianças sem identidade, que deixaram de viver a infância para desde pequenos, enfrentarem a dura realidade dos adultos. O filme venceu vários prêmios, entre eles, melhor documentário no Festival do rio e Prêmio da crítica em Gramado. 

Imagem relacionada

Arquitetos do poder (2010)

Assista Online

Documentário escrito e dirigido em parceria pelos cineastas Vicente Ferraz e Alessandra Oldé, faz uma ótima reflexão sobre como o marketing e a mídia interferiram nos resultados da campanha política. Ambicioso, o filme faz uma abordagem da campanha política desde a candidatura de Jânio Quadros, passando por Jango, os anos de chumbo, as eleições diretas, a eleição de 1989 (onde dizia-se que a Rede Globo editou o debate entre Lula e Collor favorecendo o candidato Alagoano, as vitórias de Fernando Henrique até a dupla presidência de Lula. O filme lembra bastante o brilhante filme chileno "No", de Pablo Larrain, que revela os bastidores de uma campanha política em 88 no Chile para desbancar Augusto Pinochet do Poder. "Arquitetos do poder" tem excelente material de arquivo, muitos divertidos: jingles e campanhas que vistos pelos olhos de hoje, soam toscos e patéticos. As entrevistas, com políticos e publicitários (entre eles, os todo-poderosos Duda Mendonça, Nizan Guanaes e Lula Vieira) revelam todos os podres, em depoimentos corajosos e reveladores. É um filme obrigatório para quem estuda e trabalha com comunicação, e deveria ter exibição obrigatória em todas as escolas para promover debates.

Gretchen Filme estrada (2010)

Assista online

Direção: Eliane Brum e Paschoal Samora

Documentário que acompanha a campanha da cantora Gretchen como Prefeita na Ilha de Itamaraça, Pernambuco, cidade onde ela nasceu. Quando soube desse projeto eu fiquei extremamente curioso para ver como uma artista do povo, com mais de 30 anos de carreira artística, que fez sucesso cantando músicas sem letras e ganhando dinheiro com o rebolado, poderia ter a ousadia de se candidatar a Prefeita. Oportunismo? Pode ser, ela mesma no documentário diz para os seus partidários e votantes que ela super-confia no seu nome, que basta dize-lo que o Presidente, Senadores e todo o Brasil abrirão as portas para ela. Excesso de confiança ou ingenuidade, não importa. Gretchen é um fenômeno de mídia. Iniciou sua carreira antes mesmo de Madonna, e nunca saiu das notícias. Polêmica, ela levou 3 milhões de espectadores ao cinema para assistir ao seu pornô soft "Alugam-se moças", um clássico da pornochanchada, de 1982. Mais recentemente, ela se aventurou no cinema explicito. Casou diversas vezes, teve vários filhos, e por conta disso, achando-se sem barreiras, se candidatou, sem nunca ter tido alguma aptidão à carreira política. Seu desejo, sendo eleita, era abandonar os palcos e viver dos palanques. Mas esse sonho não foi a frente: ela recebeu apenas 2% dos votos. O filme mostra a trajetória dela pedindo votos, sendo aliciada, populares pedindo dinheiro, coligações desfeitas, falta de dinheiro, desespero, e claro, vários shows de Gretchen Brasil afora para poder bancar a candidatura. Existe uma cena antológica: Durante uma apresentação em um circo, o playback falha, Gretchen para o número e fala ao DJ: "DJ, troca o cd"!". Constrangimento total. Quando ela volta a cantar, vê-se nitidamente a cara de cú de toda a platéia. Muito triste ver uma artista que sempre venceu pelo seu sex appeal se ver envelhecida, sem sensualidade, vivendo do seu passado. Ela ainda faz festas, suas músicas são cults em qualquer balada. Mas ela precisa baixar a bola e se dar conta que os tempos são outros, infelizmente. Pelo menos, para evitarmos de ouvir frases tipo: " Eu danço piripiri, não tá dando mais não. Danço final de semana, chega segunda acabou o dinheiro". O documentário começa bem, com uma narração em off bem divertida, mas depois vai se tornando repetitivo. 1:30 é muito para esse filme, deveria ter 20 minutos a menos, e ter apostado mais na linha do inusitado, como fizeram no ótimo documentário de Rita Cadillac, "A lady do povo".

Lixo Extraordinário (2010)

Download MEGA

de Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley

Vik Muniz é um artista plástico brasileiro reconhecido mundialmente. De origem humilde, vivendo na periferia de São Paulo, Vik Muniz teve sua vida transformada por um golpe do destino (em um acidente de trânsito, ele levou um tiro na perna. Com o dinheiro da indenização, ele viajou aos Estados Unidos em busca de um futuro melhor). Lá, ele construiu sua fama, apesar de um começo difícil trabalhando em todo tipo de serviço subalterno.
O documentário "Lixo extraordinário" fala sobre isso: superação. Esse é o mote do projeto. Em 2007, em seu ateliê em Nova York, Vik propõe junto com seu amigo Fábio, do Rio de Janeiro, montar um projeto que consistia em fazer um trabalho social no Lixão de Gramacho. A ideia era pegar um grupo de catadores de lixo e junto com eles, transformar o lixo encontrado em arte.
Vik se preocupa com a saúde dos integrantes da equipe. Chegando no Lixão (o maior do mundo em extensão), Vik se aproxima de vários catadores de lixo, e forma um grupo com quem ele irá trabalhar por um período de 2 anos. Juntos, catam material reciclável. Vik tira fotos baseadas em quadros famosos e os reproduz, usando os catadores como modelos. Num grande galpão alugado, Vik e Fábio ampliam essas fotos, e junto com os catadores, começam a trabalhar com o material recolhido no lixão e fazer arte com essas fotos. Esses quadros, posteriormente, serão leiloados em Londres e a renda arrecadada reverterá ao grupo de catadores e para a Associação dos Catadores.
O que mais impressiona nesse documentário é a qualidade dos entrevistados. O grupo de catadores selecionados por Vik e Fábio são de uma humanidade comovente. Os depoimentos são profundos, apesar da pouca instrução das pessoas (com exceção de Tião, jovem Presidente da Associação de Catadores, e de Zumbi, que recolhem livros no lixo e os leem).
De uma forma geral, a maioria vê o trabalho de catador como um trabalho digno: melhor do que matar, roubar, se prostituir. Vik visita as casas extremamente pobres dessas pessoas, conhecemos os familiares. Mais pra frente, a equipe se preocupa com o futuro dessas pessoas, que já estão tão envolvidas com o projeto, que temem que quando termine, suas vidas não sejam as mesmas. No desfecho, nos emocionamos com o desenrolar de cada um dos integrantes. A maioria deseja mudar de vida, descobrem o valor de seus trabalhos e que eles podem mais. Apenas uma senhora, uma cozinheira que serve comida no lixão, resolve voltar para lá, com saudades dos amigos.
Eu fui assistir ao documentário com alguns amigos, e todos foram unânimes em gostar do filme, mas com o porém de terem odiado a figura de Muniz. Explico: o argumento é de que Muniz se super-expôs, dá declarações de mega-estrela, tipo: "Porquê Eu Vik Muniz sou o maior artista brasileiro", ou quando ele dá um show de pretensa humildade, "eu não preciso de nada na vida, já tenho de tudo". Sinceramente não vi o filme por esse ângulo, e me orgulha muito esse projeto engajado, que mudou a vida dessas pessoas para melhor, fizeram com que todos melhorassem suas auto-estima. Vik Muniz pode ser arrogante, falso, mas isso não importa. O filme não é sobre isso, não é uma auto-promoção do seu trabalho. Como falei, é um filme que fala sobre superação, e Muniz usa sua história pessoal para fazer analogia com outras histórias de vida.
A cena final, com Tião dando depoimento no programa do Jô, é antológica,
Não é só o lixo de Gramacho que é transformado em algo diferente, as pessoas também passam por um processo de mutação. A fotografia, de Dudu Miranda, é eficiente e bela. O trabalho de câmera também é incrível, revelando ângulos do lixão e do galpão impressionantes em sua dimensão imagética.
A trilha sonora de Moby contribui positivamente para a emoção do filme, sem ser evidente.
O único porém que faço é o fato de Muniz e equipe de brasileiros falarem em inglês, me soou pretensioso.

Imagem relacionada

Bróder (2010)

Assista Online

Dirigido por Jefferson De

Filme narra o drama de Macu (Caio Blat), morador da favela de Capão Redondo, na periferia de São Paulo. O filme se passa em tempo real, no dia do aniversário de Macu. Ele recebe a visita de 2 amigos de infância, Jaiminho (Jonatan Haagensen) e Pibe (Silvio Guindane).
Macu mora com sua mãe (Cássia Kiss) e seu padrasto (Ailton Graça), além de sua meia-irmã, interpretada por Cintia Rosa. Ela tem uma paixão mal resolvida por Jaiminho, que é um jogador famoso, prestes a ser convocado para integrar a seleção brasileira de futebol. Pibe também se arranjou na vida, morando na zona pobre do centro de São Paulo. O retorno dos dois amigos trazem consequências trágicas. Macu está prestes a sequestrar seu amigo Jaiminho, junto com seus comparsas, para poder levantar uma grana. Porém, as cosias não se encaminham do jeito que Macu esperava, e tudo sai fora do eixo.
Bom drama filmado todo em locação, com ótimos atores interpretando com naturalismo os seus personagens. A fotografia e câmera de Gustavo Hadba são ótimas, e servem de linguagem e dinamismo para a narração da história. Porém, o excesso de clichês do gênero filme-favela, nos fazem recorrer o tempo todo a vários outros filmes, com situações muito parecidas. É um filme de boas intenções, mas confesso, me deu preguiça de ficar assistindo.

Tropa de Elite 2: o Inimigo agora É Outro (2010)

Download MEGA

Dirigido por José Padilha

Continuação do mega-sucesso de Zé Padilha, esse filme se ambienta no ano de 2006 e 2010, mostrando o crescimento das milícias na Zona oeste do Rio de Janeiro. Essas milícias são compostas por policiais corruptos, concumunados com políticos e poderosos de várias esferas da sociedade.
Mais do que o filme em si, o melhor desse Tropa 2 é denunciar a corrupção, com coragem, ainda mais em época de eleição.
O roteiro é contundente, o elenco está ótimo, com destaque para Wagner Moura e Sandro Rocha, excelente como o miliciano Rocha.
André Mattos está over em sua atuação como paródia de Wagner Montes.
Toda a parte técnica está de parabéns, e o filme cumpre o que promete: diversão com qualidade. Aliás, a estrutura narrativa do prólogo e do epílogo é idêntico ao filme CASSINO, do Scorcese

Copacabana (2010)

Download 1Fichier

Drama magistral protagonizado por Isabelle Huppert, em sua melhor forma. Uma mulher desempregada e em crise com sua filha, arranja trabalho como panfleteira de um projeto imobiliário em uma cidade da Bélgica. Seu jeito sincero de ser é mal visto por todos que a circundam, e ela tenta batalhar por seu espaço. Seu sonho é conhecer o Brasil.
Os diálogos ácidos, são maravilhosos e hilários, como só Huppert pode fazer.
O elenco é maravilhoso, e o drama sensibiliza pela empatia que o espectador tem pela personagem de Huppert, sonhadora e livre em seus atos. A gente torce por ela, memso quando ela age erroneamente.
A trilha sonora é toda composta de musicas brasileiras , e dão um tom maravilhoso ao filme. A cena final é emocionante, imperdível!!!!

Resultado de imagem para eu e meu guarda chuva download mega

 Eu e Meu Guarda-Chuva (2010)

Download Axfiles

Fábula adolescente, baseada em livro de Branco Mello, Ciro Pessoa e Hugo Posssolo, é a estréia na direção de Toni Vanzonili.
3 amigos resolvem visitar a escola na véspera das aulas, e lá se deparam com um mundo mágico, administrado por um professor do mal, que maltrata as crianças que não se dedicam aos estudos.
O filme é delicioso, claramente inspirado nos filmes do Harry Potter (seja pela fotografia, pela direção de arte, figurinos, quanto nas situações), e apesar do orçamento infinitamente inferior, faz milagres e consegue criar uma magia raras vezes vista em cinema nacional. Tecnicamente é competente, e a direção de arte soube driblar a questão orçamentária de forma inteligente.
O filme inclusive tem locações filmadas em Praga, um luxo.
O elenco infantil é ótimo, atuam como adolescentes, nada de manias televisivas. São espontâneos.
O elenco adulto é um luxo: Camila Amado, Mariana Lima, Felipe Kannemberg, Orã Figueiredo, Paola Oliveira, Leandro Hassun.
Um filme que merece ser visto, e que não desagradará aos adultos que levarem seus filhos. Muito pelo contrário, é emocionante.

Resultado de imagem para 400 contra 1 - uma história do crime organizado

400 CONTRA 1 - Uma História do Crime Organizado (2010) Assista Online / MINHATECA

Dirigido por Caco Souza

Daniel de Oliveira - William da Silva Lima

Fabrício Boliveira - Cavanha

Daniela Escobar - Tereza

Branca Messina - Carmen

Negra Li - Geni

Lui Mendes - Maranhão

Felipe Kannenberg - Custódio

Anos 70, presídio da Ilha Grande, no Rio de Janeiro. Um grupo de presos resolve se unir para lutar por direitos e ideais coletivos. William (Daniel de Oliveira) é um dos líderes deste grupo, que fundou o Comando Vermelho. A nova organização cria uma conduta de solidariedade entre os presos, algo inédito até então. No início dos anos 80 o Comando Vermelho passa a agir nas ruas do Rio de Janeiro, realizando ousados assaltos.

BOCA (2010)

Download Axfiles

Dirigido por Flavio Frederico

Elenco

  • Daniel de Oliveira como Hiroito Joanides
  • Guilherme Seta como Hiroito Joanides (criança)
  • Hermila Guedes como Alaíde
  • Jefferson Brasil como Nelsinho
  • Milhem Cortaz como Osmar
  • Paulo César Peréio como Dr. Honório
  • Maxwell Nascimento como Robertinho
  • Camila Leccioli como Clarinha
  • Juliana Galdino como Telma
  • Leandra Leal como Silvia
  • Claudio Jaborandy como Carlito

Daniel de Oliveira interpreta Hiroito, marginal boêmio dos anos 60 em São Paulo, que comandava a prostituição e drogas na região. Diferente de seu personagem no filme "400 contra um", Daniel prova a excelência de sua atuação, ajudado por uma caracterização impressionante que o desfigurou.
Hermila Guedes, Millem Cortaz, todos estão ótimos, mas Paulo Cesar Pereio está sensacional, rouba todas as cenas onde aparece como o Delegado. Merecia um prêmio pela sua atuação debochada e cínica.
A direção é ótima, os movimentos de câmera, o ritmo. O roteiro tem irregularidade, mas no cômputo geral, é um filme que vale a pena ser visto. Li várias críticas acusando o filme de ser asséptico, sem alma. Discordo. Acho que alma existe sim, e muita. O filme pulsa a todo instante.

Reflexões de um liquidificador (2010)

Download Axfiles / Assista Online

Comédia de humor negro, que bebe na fonte dos Irmãos Cohen, esse filme paulistano, conta com um ótimo elenco, encabeçado por Ana Lucia Torre. A história gira em torno do sumiço de um homem, e a mulher dele (Ana Lucia torre) é acusada por um policial de tê-lo matado. Um liquidificador antigo, que habita a cozinha dessa mulher, faz o relato do filme, através da voz off de Selton Mello.
Apesar da premissa absurda e do bom elenco de comediantes (Fabiula Nascimento, Aramis Trindade, Gorete Milagres), falta ao filme uma "viajada" que não acontece. O filme se permite uma fábula fantástica, Klotzel deveria ter apostado mais nessa linha. O filme na maior parte do tempo soa muito realista, caindo às vezes em um humor ingênuo, televisivo. Li uma crítica comparando o filme a "estômago". É possível, até por conta da presença de Fabiula Nascimento no elenco.
De curioso, apenas a cena final, que mostra o ocorrido com o homem.

 VIPs - 2010

Download MEGA

Dirigido por Toniko Melo

Elenco

  • Wagner Moura ... Marcelo Nascimento da Rocha
  • Gisele Fróes ... Silvia
  • Jorge D'Elía ... Patrão
  • Emiliano Ruschel ... Fausto
  • Roger Gobeth ... Renato Jacques
  • Juliano Cazarré ... Baña
  • Arieta Corrêa ... Sandra
  • Norival Rizzo ... Pai de Marcelo
  • João Francisco Tottene ... Marcelo Nascimento da Rocha (criança)
  • Amaury Jr. ... Amaury Jr.
  • Marisol Ribeiro ... Moça no resort

Baseado na historia real de Marcelo Rocha, um vigarista que se fez passar por Henrique Constantino, filho do Dono da Gol.
O filme se concentra mais na sua faceta de Henrique Rocha, apesar dele assumir vários outros personagens também.
Nascido em Recife, ele mora com sua mãe que é dona de um salão. O sonho do garoto é ser piloto de avião (ele faz uma projeção de que seu pai é piloto de avião). Quando cresce resolve ir atrás de seu sonho. Vai então, se passando por pessoas fakes, até resolver assumir a personalidade de Constantino, enganando a todos.
O filme remete a PRENDA-ME SE FOR CAPAZ, de Spielberg, e aqui também a gente fica toda a hora duvidando da autenticidade dos fatos. Como alguém pode ser tão perspicaz, inteligente, driblar tantas pessoas ao mesmo tempo, levar a mentira por um prazo tão longo?
O elenco é recheado de ótimos atores (Arieta Correa é uma grande revelação, Juliano Cazarré, Gisele Fróes), mas quem leva o filme na cabeça é Wagner Moura, impagável.
A peruca que ele usa no inicio é imperdoável, muito tosca (para que ele se pareça em idade com um estudante universitário!!!).
O filme é ótimo, bem produzido, e tecnicamente bem realizado. A fotografia, som, montagem.

Resultado de imagem para de pernas pro ar 2010

 De Pernas pro Ar (2010)

Download 4Shared / MEGA

Direção: Roberto Santucci

Divertida comédia protagonizada por Ingrid Guimarães, tem como trunfo um roteiro inteligente, que jamais apela para o chulo, mesmo tendo como mote da trama uma sexshop. Alice (Ingrid Guimarães) é uma workhaholick, como muitas outras que existem por aí. Dá mais atenção ao trabalho do que ao seu marido e família. Até que um dia, acaba perdendo o emprego por um erro do destino. Desempregada e abandonada pelo marido (Bruno Garcia), ela acaba conhecendo Marcela (Maria Paula), dona de uma sexshop. Alice resolve incrementar a loja da nova amiga, e inventa um método diferente de atendimento: produtos eróticos a domicilio. A partir daí, elas fazem muito sucesso. Porém, Alice resolve não contar nada ao marido sobre sua nova profissão, o que causará muitas confusões. O roteiro, ágil, esperto, inteligente, usa o potencial de Ingrid para fazer rir. E o público acompanha em peso: o filme é hilário, com diversas cenas muito engraçadas, que provocam o riso fácil, gostoso. O elenco de apoio é outro trunfo do filme. Além dos já citados, juntam-se Cristina Pereira, antológica como a empregada da família; Denise Weimberg, atriz dramática em seu debut cômico, mostrando versatilidade; Antonio Pedro, Flavia Alessandra e muitos outros que compõem tipos conhecidos no ambiente da comédia, mas não menos divertidos. O filme abusa de clichês, mas o usa de uma forma bem administrada. A trilha sonora é alegre e pop, a parte técnica está ok, sem grandes arroubos, mas eficaz para um produto comercial. Altamente recomendado para quem procura uma diversão sem compromissos, mas realizado com a intenção pura e simples da diversão, porém com alguns neurônios a mais do que o habitual.

Tropa de Elite 2: o Inimigo agora É Outro (2010) / Download MEGA / DriveGoogle / Minhateca

Dirigido por José Padilha

Elenco:

  • Wagner Moura como Roberto Nascimento, agora Tenente-Coronel da Polícia Militar do Rio de Janeiro e Subsecretário de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro.
  • Irandhir Santos como Diogo Fraga, professor de História, depois deputado estadual.
  • André Ramiro como Capitão André Mathias.
  • Milhem Cortaz como Coronel Fábio Barbosa, comandante do 18º Batalhão de Polícia Militar (PMERJ).
  • Maria Ribeiro como Rosane, ex-esposa de Nascimento e agora casada com Fraga.
  • Sandro Rocha como Major Rocha, líder da milícia retratada no filme.
  • Tainá Müller como Clara Vidal, jornalista do "Na Hora"
  • Seu Jorge como Beirada, líder do Comando Vermelho em Bangu I.
  • André Mattos como Fortunato, Deputado Estadual e apresentador de programa de televisão.
  • Adriano Garib como Guaracy, Secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro.
  • Pedro Van-Held como Rafa aos quinze anos, filho de Nascimento.
  • Emílio Orciollo Neto como Valmir Magalhães, coordenador da Subsecretaria de Inteligência, auxiliar de Nascimento.
  • Julio Adrião como Gelino, governador do Rio de Janeiro.
  • Rodrigo Candelot como Formoso, Coronel da PM e Secretário de Inteligência.
  • Charles Fricks como Vermont, assessor do Governador.
  • Marcello Gonçalves como Gonçalves, Cabo da PM e comparsa de Rocha na milícia.
  • Pierre Santos como Santos, Cabo da PM e comparsa de Rocha na milícia.
  • Fabrício Boliveira como Marreco, Soldado da PM e comparsa de Rocha na milícia.
  • Francisco Chao como Nunes, Terceiro-Sargento da PM e comparsa de Rocha na milícia.
  • William Vita como Aranha, responsável pela financeira da milícia.
  • André Santinho como Major Renan (Bope).
  • Zé Mario Farias como Felpa, traficante do bairro Tanque.
  • Chico Mello como Qualé, líder do A.D.A em Bangu I.
  • Ricardo Pavão como Valcir Cunha, Presidente da Alerj.
  • Paulo Giardini como Camelo, chefe do jornal "Na Hora".
  • Juliana Schalch como Julia, amiga de Rafa.
  • Alexandre Akerman como delegado do bairro Tanque.
  • Roney Villela como comerciante espancado.
  • Dudu Nobre como soldado do Bope.
  • Samantha Mendes como apresentadora de telejornal.

Os acontecimentos deste filme ocorrem mais de dez anos após os do primeiro e mostra o amadurecimento do então coronel Nascimento, personagem de Wagner Moura, que agora é sub-secretário de Inteligência na secretaria de segurança pública do Rio de Janeiro. 

Resultado de imagem para federal filme

FEDERAL (2010)

Dirigido por Erik de Castro

Elenco:

  • Carlos Alberto Riccelli .... delegado Vital
  • Selton Mello .... agente Dani
  • Cristovam Neto .... Rocha
  • Cesário Augusto .... Lua
  • Eduardo Dussek .... Beque
  • Carolina Gómez .... Sofia
  • Michael Madsen .... Sam Gibson
  • Adriano Siri .... Gallo

Carlos Alberto Riccelli interpreta uma espécie de Capitão Nascimento, sempre sério, a serviço de sua profissão, justo, honesto, incorruptível. No seu grupo, mais 3 homens, em crises conjugais e pessoais, mas que também estão a serviço da lei. Entre eles está Selton Mello, fora de forma, mas fazendo o papel do policial machão, bruto (Clint Eastwood, cadê você???), um tipo pelo qual as mulheres abrem a porta e as pernas imediatamente.
Resolvi relaxar ao assistir ao filme, deixar de levá-lo a sério, e acabei me divertindo mais. Algumas pérolas:

1) O personagem do Riccelli chega em casa tarde da noite, após uma árdua missão. Sua esposa grávida o recebe e diz: "Eu li o que aconteceu no Lago ( uma referencia ao assassinato de uma família por causa do tráfico). Ricceli diz: É, tá foda!". Sem mais nem menos, começam a se beijar lascivamente, quando vão transar, o celular toca e Riccelli diz: "Preciso sair". E sai!
2) O personagem de Michael Madsen (ator dos filmes de Tarantino) chega ao traficante e diz: "Porra, acredita que eu tô no Brasil, e nunca comi uma buceta brasileira? Acredita???"
3) No hospital, um policial chega e diz pra doutora: "Saia daqui, não podemos garantir a sua vida aqui dentro". Ela retruca: "E por um acaso você pode garantir nossas vidas lá fora?". De repente, rola um tiroteio dentro do hospital, uma enfermeira é baleada, sangra caída no chão, o federal diz, acalmando a mulher ferida: "calma, calma"
4) Um dos federais, um negro, transa ardentemente com uma puta (uma cena digna de Neville D'Almeida. No final, a mulher diz:"Eu te amo". O federal diz "Ama nada, você é puta, piranha!". Ele vai embora, ela grita: "negão gostosão!"
5) O cantor Eduardo Dusek (do hit Troque o seu cachorro por uma criança pobre) faz o vilão do filme, o traficante-mor, de nome BEQUE. Isso que é ser "muderno"

No mais, fica a boa intenção do filme. A fotografia é correta a cargo de César Moraes, os efeitos ok, a atuação dos dublês é comprometedora (a famosa queda após um tiro, soa muito falso).

VIPs: Histórias Reais de um Mentiroso (2010)

Assista On Line

Dirigido: Mariana Caltabiano

Documentário sobre a personalidade complexa de Marcelo Rocha, mentiroso compulsivo que ficou famoso por ter enganado a todos, se passando, entre outros, por Henrique Constantino, filho do dono da Gol.
A diretora opta por um tom farsesco em seu filme, misturando animação, trilha cômica, e uma montagem esperta.
Os depoimentos são sensacionais, passando por Amaury Junior, que entrevistou ao vivo o rapaz durante o seu programa FLASH, sem saber que era um impostor. Ricardo Macchi, Maria Paula... uma saraivada de gente que se deixou iludir por esse homem que sonhou alto. Ri bastante, e é incrível a inteligência e a perspicácia de Marcelo.
O filme termina com a imagem de Marcelo, dessa vez preso em Bangu 1, assumindo a personalidade de um traficante de uma facção criminosa, negociando com a polícia. Uma de suas várias facetas.
Aqui, muitos compararam a história ao filme "Prenda-me se for capaz", de Spielberg.
O filme é bem dinâmico, e sinceramente, achei mais divertido que VIPS, com Wagner Moura.
O filme revela também um drama pessoal vivido pela diretora: seus irmãos morreram no acidente aéreo da TAM, e seu pai acabou falecendo tempos depois, desgastado com a tragédia.

Antes que o Mundo Acabe (2010)


A história de Daniel, um adolescente de uma cidadezinha do interior do Rio Grande do Sul, e suas angústias e aflições típicas da idade: escola, namorada que não se decide, o melhor amigo acusado de um roubo na escola. Daniel mora com sua mãe, sua irmã caçula e seu padastro. Certo dia, recebe a carta de seu pai, que é um fotógrafo que se mudou para a Tailândia. Sua vida então vira um caos de vez. Tantas decisões a serem tomadas de uma vez.
O grande trunfo desse filme é a leveza, a simplicidade, e seu elenco, formado por jovens não atores, mas encantadores em sua naturalidade. A fotografia, a trilha sonora, tudo é delicado. O único porem que faço ressalvas é quanto as cenas do pai na Tailândia, que ficaram bem pobres e mal resolvidas. Mas isso não impede do espectador se envolver com o filme. Uma graça.
Um filme família, sem violência, sem ódio. Apenas a vontade de viver e ser feliz. Uma pena que o filme tenha sido tão mal lançado e divulgado.

Diretora Ana Luiza Azevedo

Elenco:

  • Pedro Tergolina .... Daniel
  • Eduardo Cardoso .... Lucas
  • Bianca Menti .... Mim
  • Caroline Guedes .... Maria Clara
  • Janaína Kremer .... Elaine
  • Eduardo Moreira .... Daniel-pai
  • Murilo Grossi .... Antônio
  • Irene Brietzke .... Dona Glória
  • Carlos Cunha Filho .... Padre Euzébio

Resultado de imagem para como esquecer filme gif

Como Esquecer - 2010

Download 4Shared

Júlia (Ana Paula Arósio) é uma professora de literatura inglesa que é abandonada pela namorada depois de um relacionamento que durou mais de dez anos. Por causa da separação, Júlia vai morar no Rio de Janeiro com seu melhor amigo, Hugo (Murilo Rosa), que é gay, e Lisa (Natália Lage). No novo trabalho, Júlia acaba despertando o interesse de duas alunas, mas é Helena (Arieta Corrêa) que mexerá com a professora, apesar de ela não se sentir preparada para novos relacionamentos.

Direção: Malu de Martino

Elenco

Ator Personagem
Ana Paula Arósio Júlia
Murilo Rosa Hugo
Natália Lage Lisa
Arieta Corrêa Helena
Bianca Comparato Carmem Lygia
Pierre Baitelli Nani
Regina Sampaio Selma
Marília Medina Tutty
Gillray Coutinho Honorio
Analu Prestes Donna Laura
Ana Kutner Mônica
Ana Baird Joana
Lia Racy Gina
Miriam Juvino Claudia

De apoio

Ator Personagem
Roberto Lobo Gerente de Banco
Gabriela Bonomo Aluna
Larissa Honorato Menina Loira
Lilly Vieira Maga Café
Leila Mafua Carrtora
Mônica de Oliveira Saxofonista
Rodrigo Braga Percussionista

CORTINA DE FUMAÇA (2010)

DOWNLOAD MEGA / MINHATECA

Direção: Rodrigo MacNiven

A política de combate às drogas vigente no mundo é colocada em discussão, incluindo suas consequências político sociais, a partir de depoimentos de médicos, pesquisadores, advogados, políticos e representantes de movimentos civis.

Resultado de imagem para vegana documentário desenho

VEGANA

Direção: Airon Barreto

Em 12 episódios você conhecerá a história da Luka, uma adolescente que aprendeu a respeitar todos os seres. Com seu exemplo ela sensibiliza a família e a escola, e faz que outras pessoas também repensem seus valores e práticas do dia a dia.

Resultado de imagem para amor por acaso filme

AMOR POR ACASO (2010)

Assista Online

Direção: Márcio Garcia

Elenco:

  • Juliana Paes .... Ana
  • Dean Cain .... Jake
  • Julian Stone .... Victor
  • Zilah Mendoza .... Maria
  • Eric Roberts .... Mr. Hopewell
  • John Savage .... Mr. Harvey
  • Julia Duffy .... Mrs. Harvey
  • Calvin Jung .... Mr. Okata
  • Lydia Look .... Ms. Okata
  • Emily Nelson .... Hank
  • Kimberly Quinn .... Amanda
  • Bill Engvall .... Pete Sullivan
  • Jesse Jake Golden .... Menina
  • Meredith Bishop .... Celeste
  • Jamie Anderson .... Caroline
  • Kimberly Dollar .... Waiter
  • Rodrigo Lombardi .... Bartolomeu
  • Luiza Valdetaro .... Babita
  • Marcos Pasquim .... Gustavo
  • Priscila Marinho .... Flavia
  • Débora Lamm .... Gabriela
  • Daniel Ávila .... Paulo
  • Murilo Elbas .... Bandido Um
  • Júnior Lisboa .... Bandido Dois

O filme narra a história de uma funcionária (Juliana Paes) das lojas Leader Magazine, que tem uma vida atribulada por uma sucessão de erros: seu irmão é vagagundo, seu namorado é um paspalhão (Marcos Pasquim) que só quer curtir a vida, e seu patrão pega no seu pé (Rodrigo Lombardi). Para piorar a situação, seu pai acaba de falecer, e deixa uma dívida enorme em suas mãos. Desesperada, e com o mundo caindo ao seu redor, ela descobre, através de um advogado amigo da família, que sua avó deixou uma herança para ela, numa cidadezinha no interior dos EUA. Essa herança é um terreno, hoje administrado por um jovem (Dean Cain) recém separado de uma atriz famosa. Ele recebeu o terreno da senhora porque ela gostava muito dele. A personagem de Juliana Paes decide então viajar com seu amigo até os EUA, tentar resgatar o que é seu de direito. Chegando lá, ela entra em conflitos com o personagem de Dean Cain, que quer abrir uma pequena hospedagem, ainda a ser inaugurada. Lá, vários hóspedes estranhos se hospedam, cada um com sua excentricidade. Ela se faz passar por hóspede, até tentar o momento certo de tomar seu terreno.
Bom, a história basicamente é essa, claro que ela vai se envolver com o rapaz, claro que tudo terminará em final feliz. Aqui, Marcio Garcia mostra que assistiu a praticamente todas as comédias românticas americanas, pois ele junta todos os clichês possíveis num só filme.
Ele resolveu também, por infelicidade de escolha, trabalhar com a caricatura dos personagens: Por exemplo, Rodrigo Lombardi faz um gay afetadíssimo. Um casal de japoneses sexomaníacos faz caras e bocas. Aí tem também os latinos, etc.
Para quem curte uma sessão da tarde sem exigências, pode se divertir com o filme. Já para os que esperam novidades, ....
Para o elenco, por conta da caricatura, fica dificil fazer uma avaliação de suas performances. Apenas Juliana Paes trabalha seu jeitinho brejeiro sensual, a la Sônia Braga em Gabriela, de forma mais realista e sedutora. Sua presença na tela é magnética. O filme reserva uma cena que lembra "Gabriela" e "Ratatouille", quando a personagem dela prepara um jantar para um crítico de gastronomia. Tecnicamente, o filme tem defeitos: a fotografia, o som, a trilha sonora é ok, bacaninha.
Um problema sério do filme, que trava a narrativa, é o excesso de merchandisings. Infelizmente, deve ter sido um mal necessário para que o filme pudesse ser realizado. Temos que aprender com os americanos a fazer inserção de anúncios sem agredir o filme. (Existe uma cena final, interpretada pelo próprio Marcio Garcia, completamente dispensável. É um comercial de um shampoo, nada a ver com a trama)
O filme tem todas as boas intenções, e lembremos que é a 1ª experiência do ator com um longa. Esperemos que ele aprenda aqui com os erros e saiba dar a volta por cima.
Outro ponto forte do filme foi ele ter conseguido trazer para seu projeto atores como John Savage (Hair) e Eric Roberts.

Resultado de imagem para o sonho de inacim data de lançamento

O Sonho de Inacim

No ano de 2000 toda a cidade de Cajazeiras, sertão da Paraíba, se prepara para comemorar o bicentenário de nascimento do seu ilustre fundador, o Padre Inácio Rolim, um descendente de franceses que nos idos de 1800 criou um colégio e a partir dele fundou a cidade de Cajazeiras. O filme  mostra o sertão de hoje com seus problemas, seu ritmo de vida, sua gente, seus costumes e ritos, através do adolescente Inacim.  O menino tem uma capacidade sobrenatural de voltar ao tempo e conversar com o Padre Rolim através de sonhos. Suas revelações surpreendem e transformam a vida da cidade.

DIREÇÃO - Eliézer Rolim

Elenco

  • José Wilker - como Padre Rolim
  • José Dumont - como Miguel do jegue
  • Marcélia Cartaxo - como Bia
  • Francisco Gabriel Batistuta - como Inacim
  • Zezita Matos - como Mãe Aninha
  • Fernando Inacio - Kaká

Resultado de imagem para de velha basta eu

De Velha Basta Eu

Uma jovem senhora de 65 anos que namora e vai a festas sem deixar que a idade seja maior do que a alegria de viver.

Resultado de imagem para a cura série dvd

A Cura

A história da série se inicia com a volta de Dimas Bevilláqua (Selton Mello) a Diamantina, um antigo morador da cidade mineira. Quando criança, Dimas deixou a cidade com sua mãe, Margarida (Nívea Maria), por um episódio não esclarecido, pois foi acusado de ter causado a morte de um colega de infância. Por conta de tal episódio, Dimas quando foi embora de Diamantina foi educado em um colégio interno em São Paulo. Neste tempo, Dimas passou por várias instituições psiquiátricas, e finalmente conseguiu se formar em Medicina. Após vinte anos, ele retorna a Diamantina para fazer as pazes com seu passado e encarar seu destino.

Dimas é um cirurgião considerado rei dos diagnósticos difíceis. E, em sua volta para sua cidade natal, vai descobrir em si uma capacidade curativa que foge à ciência. Para muitos dos moradores locais, ele logo será considerado uma espécie de "curandeiro". Para outros, um assassino, repetindo um episódio dramático da vida da cidade décadas atrás, quando um antigo médico - Otto (Juca de Oliveira) -, também uma figura polêmica, era chamado por uns de santo e por outros, de criminoso.

Dimas vai trabalhar no hospital mais importante da cidade, dirigido há mais de 30 anos pelo Dr. Turíbio Guedes (Ary Fontoura). No emprego, ele reencontra a Dra. Rosângela (Andréia Horta), amiga de infância e filha de Turíbio e Graciema, (Ana Rosa), que é noiva do Dr. Luís Camillo (Caco Ciocler), com quem namora há sete anos. Em pouco tempo, o dom que ele tanto luta para não ter vem à tona. Dimas é capaz de curar pacientes como não conseguiria mesmo com a medicina mais moderna. Mas esses mesmos pacientes aparecem mortos logo depois, gerando um profundo mistério na trama.

A saga deste mineiro tem origem longínqua. No século XVIII, Silvério, antepassado de Dimas e de sua família, chega na região atrás de ouro e diamantes. E, para conquistar seus objetivos, é de uma crueldade sem limites. Silvério maltrata escravos, engana oficiais da coroa, mas também acaba sofrendo as consequências de seus atos. É protagonista de uma jornada de dor e desespero após ser amaldiçoado por um pajé de uma aldeia próxima por uma doença do espírito, o que o levará a encontrar um menino: Ezequiel (Dyjhan Henrique), conhecido na região como um pequeno curandeiro.

Elenco

Ator Personagem
Selton Mello Dimas Bevilláqua
Andréia Horta Rosângela Guedes
Nívea Maria Margarida Bevilláqua
Juca de Oliveira Otto Vieira
Carmo Dalla Vecchia José Silvério de Andrade
Ary Fontoura Dr. Turíbio Guedes
Caco Ciocler Dr. Luís Camillo
Luiza Mariani Lucinha
Ana Rosa Graciema Guedes
Eunice Bráulio Dona Nonoca
Inês Peixoto Edelweiss
Jackson Antunes Carlindo
Rogério Márcico Ciro Bevilláqua
Deivy Rose Berenice
Rita Clemente Samara
Dayse Belico Gildinha
Deivy Rose Berenice
Álvaro Chaer Wesley
Ferruccio Verdolin Antônio Paulo
Tino Gomes Leleco
Dyjhan Henrique Ezequiel

Resultado de imagem para separação serie

SEPARAÇÃO?!

Tudo é motivo para implicância. Ele mastiga alto. Ela tem o dedão do pé horrível. O que já foi apenas um detalhe vira uma mania irritante. Depois de oito anos casados, a professora Karin (Debora Bloch) e o corretor de seguros Agnaldo (Vladimir Brichta) descobrem que não sabem mais a razão de ainda estarem juntos. Eles não se suportam, brigam por tudo, fazem as pazes e brigam de novo. Mas, por alguma razão, não conseguem acabar com o casamento.

Qualquer coisa é motivo para uma série de trocas de farpas, com sobras de “adjetivos”. Tudo recheado com humor e ironia. Separação?! é comentada por um narrador, que tenta explicar as confusões em que o casal se mete com informações pseudocientíficas e estatísticas matrimoniais.

Resultado de imagem para elvis e madonna

Elvis & Madona (2010) MINHATECA

Download 4Shared / MEGA

Direção: Marcelo Laffitte

Elenco

Ator Personagem
Simone Spoladore Elvis
Igor Cotrim Madona
Sérgio Bezerra João Tripé
Maitê Proença Soraya
Buza Ferraz Heitor
José Wilker Pachecão
Romeu Evaristo Vasco
Duse Nacarati Jura
Catarina Abdala Shirley
Wendell Bendelack Bill
Arthur Brandão Baianinho
Fabianna Brazil Xana
Alexandre da Costa Dr. Sócrates
Jayme del Cueto Lélio

Uma lésbica (Simone Spoladore), cujo sonho é ser fotógrafa, trabalha como motoboy para se sustentar. Ao fazer uma entrega, descobre que seu cliente é um travesti (Igor Cotrin), que trabalha como cabelereiro. Ele acabou de ser achacado pelo seu amante cafetão, que é traficante. Ela o ajuda, e acaba se apaixonando por ele. Paralelo, o cafetão da travesti quer extorquir o dinheiro que ela juntou pra fazer seu grande show final, seu sonho de vida.
O roteiro começa bem, mas depois envereda por uma linha policial que não me trouxe interesse. Seria mais divertido se tivessem focado a história na relação desse improvável casal, e as suas consequências perante a sociedade, amigos e familiares, e a batalha em conjunto para lutar contra as dificuldades do dia-a-dia.
Igor Cotrim, ao contrário de várias críticas que li, está bem, convincente. Só lamento que a sua caracterização o deixe tão feio, deveria ter mais glamour. Simone está ok, o restante do elenco se diverte em cena (Pia Manfroni, Aramis Trindade, as bichas do salão). A cena com Buza Ferraz, aqui em sua última aparição em um filme, é comovente, e parece se despedir em cena.
Algumas cenas são mal conduzidas, e ficaram pobres, evidenciando a falta de grana da produção. O desfecho era para ser deslumbrante, e ficou muito sem glamour. Que é o item que esse tipo de filme exige (vide os filmes de Almodovar). E Glamour nem sempre é sinônimo de orçamento, e sim, criatividade.

Resultado de imagem para a vida alheia serie

A Vida Alheia

O seriado narra a rotina dos profissionais que trabalham em revista dedicada ao universo das celebridades, com cada episódio mostrando os bastidores da composição de uma edição da revistas.

O primeiro, dos quinze episódios planejados para a primeira temporada, trata de uma investigação, conduzida pela repórter interpreta por Danielle Winits, para elucidar a paternidade do filho da modelo Veronica Moyana, interpretada por Isabeli Fontana.

Elenco

Ator Personagem
Cláudia Jimenez Alberta Peçanha
Marília Pêra Catarina Faissol
Danielle Winits Manuela
Paulo Vilhena Lírio
Carlos Gregório Júlio
Raoni Carneiro João
Karin Roepke Olívia
Edgar Bustamante Chico
Sylvia Massari Solange
Sandro Christopher Duran
Igor Rickli Amadeu
Kim Kamberlly Paula Peçanha
Lana Guelero Jaula
Guilherme Trajano Tom
Tayana Dantas Alana
Luciano Borges Pardal
Luciana Rigueira Meire
Karina Marthin Leila


Resultado de imagem para curitiba zero grau critica

Curitiba Zero Grau

 

Dirigida por Eloi Pires Ferreira

Elenco

  • Jackson Antunes;
  • Katia Drummond;
  • Rodrigo Ferrarini;
  • Camila Hubner;
  • Diego Kozievitch;
  • Enéas Lour;
  • Stephanie Mattanó;
  • Olga Nenevê.

O enredo cruza a vida de um vendedor de automóveis, um catador de papeis, um motoboy e um motorista de ônibus em uma noite de inverno da fria capital paranaense.

A Antropóloga

Aos 33 anos, Maria de Lourdes Gomes Azevedo Ramos (Malu) realiza na Costa da Lagoa - reduto açoriano na Ilha de Santa Catarina (Florianópolis/Santa Catarina/Brasil) - sua pesquisa de doutorado na área de etnobotânica. Sua vinda a Costa da Lagoa não será meramente um marco em sua carreira acadêmica mais uma série de desafios emocionais que coloca a protagonista no limite entre a razão e a imaginação, ciência e misticismo, crença e ceticismo, amor e paixão. Com dona Ritinha, benzedeira mais conhecida na comunidade, Malu inicia o aprendizado da cultura mística que os descendentes de açorianos preservam no local. Ao acompanhar o tratamento realizado com as ervas da mata atlântica à Carolina - filha do médico local - ministrado por D.Ritinha, Malu entra em contato com o sobrenatural e, envolve-se na cura da menina. Contrariada pelo pai da menina, Malu enfrenta o ceticismo científico, antes propagado por ela própria. As evidências são muitas e Malu se vê levada a montar o painel de coincidências, situações sobrenaturais, intuições, constatações místicas e induções dos moradores da comunidade. Após período de auto-enfrentamento, Malu decide singrar a verdadeira viagem rumo ao desconhecido - o lugar de onde Malu jamais voltará.

Elenco
  • SEVERO CRUZ
  • EDUARDO BOLINA
  • LARISSA BRACHER
  • LUIGI CUTOLO
  • RAFAELA ROCHA DE BARCELOS
  • SANDRA OURIQUES
Direção
  • Zeca Pires

Resultado de imagem para Aqui, doido varrido não vai pra debaixo do tapete (Rodrigo Sellos)

Aqui, Doido Varrido não Vai pra Debaixo do Tapete

Dirigido por: Rená Tardin Rodrigo Séllos

Através das histórias de vida de pacientes, familiares e equipe médica, o documentário busca, de forma descontraída, o que se esconde atrás de estereótipos e preconceitos que cercam a doença mental.

Resultado de imagem para À margem da invenção (Duda Leite)

À margem da invenção (Duda Leite)

Documentário sobre o cinema da Boca do Lixo, região central de São Paulo. Também chamado de Cinema de Invenção, ou Cinema Marginal. Entrevistas com Jairo Ferreira, José Mojica Marins, Ozualdo Candeias e Carlos Reichenbach.

Resultado de imagem para Amaxon (José Sette) filme

AMAXON, de José Sette é um manifesto poético de longa metragem sobre a arte da criação em um mundo desequilibrado, perdido, sufocado e desesperado. É um filme dos significados e dos significantes mais profundos do ser e do não ser.

Não Se Preocupe, Nada Vai Dar Certo!

Lalau Velasco (Gregório Duvivier) viaja com seu pai Ramon Velasco (Tarcísio Meira) em uma kombi fazendo suas apresentações por todo o Brasil. Lalau que já foi um ator de novelas, naquele momento estava fazendo stand-up comedy baseado em seu pai, para conseguir financiar um espetáculo futuro. Ao conhecer Flora (Flávia Alessandra), uma jornalista do Rio de Janeiro, ela propõe a eles que viajem com ela para o Rio, fazendo com que Lalau interprete um guru indiano e que faça workshops para a empresária Carol (Ângela Vieira). Dispostos a ganhar dinheiro fácil, eles viajam com a jornalista. Vestido a caráter, Lalau se passa por um indiano impressionando Carol que também está prestes a ser candidata a senadora, fazendo com que ela o convide a voltar novamente. Após várias consultas, ela o chama a visitar sua casa. Após ele tomar uma bebida, ele acorda no outro dia com ela do lado morta. Com isso, ele torna o principal suspeito de matar a moça. Ramon Velasco se passa por um advogado, tentando desvendar qual seria a causa da morte da empresária.

Elenco

  • Tarcísio Meira como Ramon Velasco
  • Gregório Duvivier como Lalau Velasco
  • Flávia Alessandra como Flora Beltrão
  • Mariana Rios como Rosa
  • Herson Capri como Rodolfo Magalhães
  • Ângela Vieira como Carol Gomide
  • Hugo Carvana como Zimba
  • Lu Grimaldi como Laurita
  • Guilherme Piva como Jarbas
  • Antônio Pedro como Delegado
Direção: Hugo Carvana

Resultado de imagem para a liga band

A LIGA

Para contar uma história sob a perspectiva de quem a vive só há um jeito, ir ao encontro dela. Comum seria não interferir e normal, nada sentir, não vivenciar. Mas não é isso que querem os apresentadores do programa. Eles tocam na realidade, olham de perto. É definido como jornalístico, mas procura mostrar com humor, drama e dose de acidez várias maneiras de se contar ao público uma mesma notícia.

Resultado de imagem para estrada para ythaca

Estrada para Ythaca

Direção: Ricardo Pretti, Guto Parente, Pedro Diógenes, Luiz Pretti
Elenco: Ricardo Pretti, Guto Parente, Pedro Diógenes, Luiz Pretti, Uirá dos Reis, Rodrigo Capistrano, Ythallo Rodrigues
A trajetória de quatro amigos que a fim de superarem a perda prematura de um companheiro, caem na bebedeira e resolvem ir para Ythaca, um lugar mítico.

Resultado de imagem para Alice  - O primeiro dia do Resto de minha vida

Alice: O Primeiro Dia do Resto da Minha Vida

Dirigido por: Karim Aïnouz

Elenco

  • Andreia Horta Alice
  • Carla Ribas Irislene
  • Daniela Piepszyk Regina Célia
  • Guta Ruiz Renata
  • Helena Ignez Velhinha esotérica
  • Sílvia Lourenço Monique
  • Vinicius Zinn Nicholas

Telefilme baseado no seriado da HBO, "Alice":

Dois anos após chegar em São Paulo, Alice continua a relação com Nicholas. Eles procuram por um lar e Alice se dedica a seu novo negócio com espetáculos infantis, convive com seus velhos amigos e analisa suas próprias decisões e futuro.

Chico Xavier / 

 MINHATECA Parte 01 / 02 / 03 / 04

Chico Xavier é uma adaptação para o cinema que descreve a vida do médium brasileiro Chico Xavier, que viveu 92 anos (1910-2002), sua atividade mediúnica e filantrópica. O filme descreve uma vida conturbada com lutas e amor. Chico Xavier psicografou mais de 400 livros.

Elenco

  • Nelson Xavier .... Chico Xavier (idoso)
  • Ângelo Antônio .... Chico Xavier (adulto)
  • Matheus Costa .... Chico Xavier (criança)
  • Tony Ramos .... Orlando
  • Christiane Torloni .... Glória
  • Giulia Gam .... Rita
  • Letícia Sabatella .... Maria
  • Luis Melo .... João Candido
  • Pedro Paulo Rangel .... Padre Scarzelo
  • Giovanna Antonelli .... Cidália
  • André Dias .... Emmanuel
  • Paulo Goulart .... Saulo Guimarães
  • Cássia Kiss .... Iara
  • Cassio Gabus Mendes .... padre Júlio Maria
  • Rosi Campos .... Dona Cleide
  • Carla Daniel .... Carmosina
  • Ailton Graça .... Passageiro 1
  • Charles Fricks .... David Nasser
  • Jean Pierre Noher .... Jean Manzon
  • Nildo Parente .... Juiz
  • Bruce Gomlevsky .... Promotor
  • Cadu Fávero .... Rafael
  • Luiz Serra .... Daniel Albuquerque
  • Thelmo Fernandes .... Menezes de Assis
  • Cynthia Falabella .... Professora
  • Via Negromonte .... Dora
  • Osvaldo Mil .... José
  • Anselmo Vasconcellos .... Perácio
  • Ana Rosa .... Carmem
  • Gregório Duvivier .... Oftalmologista
  • Anja Bittencourt .... mãe das Ensandecidas
  • Mariana Bassoul .... ensandecida 1
  • Thamirys Spyker .... ensandecida 2
  • Carolina Pavanelli .... ensandecida 3
  • Juliana Bertoni .... ensandecida 4
  • Maria Helena Pader .... mãe de Ludi
  • Cininha de Paula .... Maria Celeste
  • Prazeres Barbosa .... Mulher que recebe relógio
  • Gustavo Ottoni .... Médico de Chico em São Paulo
  • Tião D'Ávila .... Feliciano
  • Renata Imbriani .... Tânia
  • Raul Tolledo .... Walcyr
  • Pietro Mário .... Pai que chora
  • Rejane Zilles .... Mulher que dá relógio
  • Fábio Porchat .... Passageiro 2
  • Leonardo Jabbour .... Eduardo
  • Hélio Ribeiro .... Repórter da TV
  • Guilherme Bernard .... Eurípides
  • Matheus Guedes .... Vivaldo
  • André Luiz Frambach .... José (1918 a 1922)
  • Raquel Bonfante .... aluna Rosa
  • Matheus de Sá .... Aluno
  • Victor Navega Mott .... Moacir
  • Gláucia Rodrigues .... Letícia Almeida
  • Pablo Sanábio .... Assistente de produção
  • Daniel Barcelos Jaimovich .... João Leonardo
  • Paulo Vespúcio .... Emiliano
  • Adelaide de Castro .... Léa
  • Larissa Vereza .... Lúcia
  • Nilvan Santos .... Agricultor
  • Samuel de Assis .... Altair
  • Andréa Caldas .... Luísa
  • Kika Freire .... Geni
  • Flávia Guedes .... Geralda
  • Carla Cabé.... Maria Conceição
  • Tânia Costa .... Maria Cândido
  • Cacá Dias .... Raimundo
  • Alexandre David .... Pacheco
  • Antônio Destro .... Oficial de justiça
  • Carlos Mariano .... pastor Elias
  • Júlio Uchôa .... Homem com Bíblia

 

Resultado de imagem para ninjas curta metragem

Ninjas

Diretor: Dennison Ramalho
Elenco: André Ceccato, André Luí­s Patrí­cio, Carlos Meceni, Celso Camargo, Flávio Bauraqui, Juliana Galdino, Tatiana Ribeiro

Em crise após matar inocente durante ação na favela, policial militar é introduzido na unidade dos "Ninjas" - grupo de extermínio que se dedica a eliminar sadicamente suspeitos de crimes violentos.

 

 

A Cura  / MINHATECA

ELENCO:

Selton Mello
Andréia Horta
Juca de Oliveira
Nívea Maria
Carmo Dalla Vecchia
Ary Fontoura
Ana Rosa
Caco Ciocler
Jackson Antunes

A história da série se inicia com a volta de Dimas Bevilláqua (Selton Mello) a Diamantina, um antigo morador da cidade mineira. Quando criança, Dimas deixou a cidade com sua mãe, Margarida (Nívea Maria), por um episódio não esclarecido, pois foi acusado de ter causado a morte de um colega de infância. Por conta de tal episódio, Dimas quando foi embora de Diamantina foi educado em um colégio interno em São Paulo. Neste tempo, Dimas passou por várias instituições psiquiátricas, e finalmente conseguiu se formar em Medicina. Após vinte anos, ele retorna a Diamantina para fazer as pazes com seu passado e encarar seu destino.

Dimas é um cirurgião considerado rei dos diagnósticos difíceis. E, em sua volta para sua cidade natal, vai descobrir em si uma capacidade curativa que foge à ciência. Para muitos dos moradores locais, ele logo será considerado uma espécie de "curandeiro". Para outros, um assassino, repetindo um episódio dramático da vida da cidade décadas atrás, quando um antigo médico - Otto (Juca de Oliveira) -, também uma figura polêmica, era chamado por uns de santo e por outros, de criminoso.

Dimas vai trabalhar no hospital mais importante da cidade, dirigido há mais de 30 anos pelo Dr. Turíbio Guedes (Ary Fontoura). No emprego, ele reencontra a Dra. Rosângela (Andréia Horta), amiga de infância e filha de Turíbio e Graciema, (Ana Rosa), que é noiva do Dr. Luís Camillo (Caco Ciocler), com quem namora há sete anos. Em pouco tempo, o dom que ele tanto luta para não ter vem à tona. Dimas é capaz de curar pacientes como não conseguiria mesmo com a medicina mais moderna. Mas esses mesmos pacientes aparecem mortos logo depois, gerando um profundo mistério na trama.

A saga deste mineiro tem origem longínqua. No século XVIII, Silvério, antepassado de Dimas e de sua família, chega na região atrás de ouro e diamantes. E, para conquistar seus objetivos, é de uma crueldade sem limites. Silvério maltrata escravos, engana oficiais da coroa, mas também acaba sofrendo as consequências de seus atos. É protagonista de uma jornada de dor e desespero após ser amaldiçoado por um pajé de uma aldeia próxima por uma doença do espírito, o que o levará a encontrar um menino: Ezequiel (Dyjhan Henrique), conhecido na região como um pequeno curandeiro.

Resultado de imagem para O Relógio da Aventura

O Relógio da Aventura

 Produção com cinco episódios, a história acompanha as aventuras de João (Miguel Arraes), um garoto que ganha de presente do avô (Marcos Caruso) um relógio. Mas não se trata de um relógio qualquer. Com ele, João consegue viajar pelo tempo e espaço. Sua primeira parada é na Roma antiga, onde encontra o Imperador Otávio Augusto (Enrique Diaz).

Nesse primeiro episódio, a série traz as participações de Val Perré, Anderson Muller e Pietro Mário, conhecido dublador brasileiro que na década de 1960 estrelou a série “Capitão Furacão”. Em “O Relógio da Aventura”, ele interpreta o motorista do fusca.

Um relógio que permite que o menino João (Miguel Arraes) seja transportado de sua casa, em uma cidade do Brasil de hoje, para a Roma antiga. Com ele, entre um lugar e outro, João viverá aventuras incríveis.

A história começa quando o menino João é suspenso no colégio, porque enfrenta o valentão da turma, Guto (Matheus Costa), para defender seu amigo Julinho (Caio Manhente). Ao chegar em casa, Pedro (Igor Rudolf), o irmão mais velho, incentiva os pais, Geraldo (Enrique Diaz) e Regina (Heloisa Perissé), a colocar o caçula de castigo. Sensibilizado com a situação do neto, Neco (Marcos Caruso), que é um verdadeiro inventor, o presenteia com um brinquedo especial e antigo: o relógio da aventura.

João, então, começa seu passeio no tempo e na história. Logo no início, ele fica confuso, sem entender onde está, e acaba sendo preso pelo imperador de Roma (Enrique Diaz), que se irrita com a presença do menino. Prestes a virar comida de leões, o garoto é salvo por Romaninho (Caio Manhente). Na parte brasileira da trama, Caio Manhente interpreta Julinho, amigo de João. Outros integrantes do elenco também fazem essa divertida dobradinha de papéis, ora como personagens da vida atual de João no Brasil, ora como romanos que o menino conhece em sua aventuras com o relógio. Enrique Diaz, por exemplo, é pai de João e imperador romano. Heloisa Perissé é Regina, mãe de João, e Livia, mulher do imperador.

Afinal, o Que Querem as Mulheres?  / MINHATECA

Elenco

Ator Personagem
Michel Melamed André Newmann
Paola Oliveira Lívia Monteiro
Letícia Spiller Sophia
Osmar Prado Dr. Klein / Amâncio Flores
Vera Fischer Celeste Monteiro
Rodrigo Pandolfo Zing
Antonio Karnewale Miguel
Fernanda Félix Ana
Alessandra Colassanti Laura<%2